Piso salarial 2019



Como você mesmo sabe, todo inicio de ano, há um novo salário, pois, o Governo o reajusta para acompanhar a movimentação da economia e não ter grande defasagem no poder de compra dos trabalhadores. Em muitas categorias, o piso salarial é baseado no valor mínimo vigente e, como já estamos em 2019, o novo piso salarial nacional é de R$ 1020,00 – um reajuste de R$ 92 em relação ao salário do ano passado.

Com isso, muitos trabalhadores que vivem com o salário mínimo, categorias e setores, aposentados e pensionistas já estão recebendo os novos valores ordenados por lei. E você já está recebendo o seu com o reajuste? Se tiver dúvidas quanto é o valor, é só continuar neste artigo até o final para saber como é à base de salário para a sua profissão. Preparado? Vamos lá.

Piso Salarial 2019

Piso Salarial 2019 – Qual o valor do Piso Nacional?

O que é o Piso Salarial?

Piso salarial é o mesmo que dizer salário mínimo, ou seja, é o menor valor que um trabalhador deve receber pelo seu serviço prestado. A partir da base estabelecida é possível estabelecer o valor que cada profissional, de acordo com o seu setor e especialização deve receber.

Além de evitar possíveis abusos e explorações de empregadores com empregados o estabelecimento do piso ou salário tem um lado muito positivo que é o de auxiliar no cálculo da definição do novo salário líquido a ser pago.

Qual é o valor do Piso Salarial 2018?

O valor é diferente para as profissões e dentro delas há outro diferencial que são os níveis de especialização de um trabalhador. Por ora se, por exemplo, um professor que atua somente com o nível fundamental de ensino ganha R$ 1.900, outro professor que possui titulação para dar aulas em uma universidade receberá, no mínimo, R$ 4.360 e claro que se tiver doutorado, pós-doutorado (Ph D) e demais titulações que “auxiliam” no aumento do salário, o mesmo poderá ser dobrado ou um pouco mais do que o dobrado.

Atenção: Fique por dentro do novo valor do Piso Salarial 2018, anunciado pelo Governo Federal para as classes trabalhadoras na virada do ano.

Variação do Piso Salarial 2018

Além da diferenciação que existe entre as especializações dentro de uma mesma profissão, pode existir a diferença de piso salarial entre cidades e estados. Um exemplo simples é observar que um trabalhador que possui um curso técnico e que ao exercer a sua atividade em uma cidade de interior vai receber, por exemplo, R$ 900 poderá encontrar um valor maior se fizesse o mesmo trabalho em uma capital onde poderia receber R$ 1600.

Essas variações são dadas de acordo com características próprias de cada região como maior necessidade de profissionais, maior ou menor carga de trabalho, entre outros fatores. Por isso, é importante que um trabalhador fique atento ao valor do piso de sua categoria para a região onde atua e evitar comparações com outras – a não ser que tenha interesse de mudar.

Já foram divulgadas também o reajuste do salário mínimo 2018. O aumento, infelizmente, foi bem abaixo das expectativas das classes trabalhadoras, que estão sofrendo com o aumento dos preços.

A importância da Data Base

Outro fator que “pesa” na definição do piso salarial são as reuniões e disputas realizadas entre sindicatos e lideranças patronais. Os primeiros representam a categoria pela qual lutam por melhores condições e benefícios para a carreira profissional.

A força que os sindicatos possuem é muito importante para a referida classe trabalhadora que pode conseguir mais chances de reajuste e aumento do piso salarial. Mas isso também depende de cada estado ou região e a atuação dos sindicatos.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votes, average: 4,00 out of 5)
Loading...